Uma história.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Uma história.

Mensagem  Anônima em Ter Jun 26, 2012 8:58 pm

Eu não sou muito boa com palavras, mas eu queria desabafar coisas que eu não consigo falar pra ninguém nem para meus melhores amigos apesar de já saberem da minha orientação sexual. Eu vou postar tudo aquilo que aconteceu e tudo aquilo que acontece comigo. Eu posso ser idiota de escrever isso, mas eu não to conseguindo aguentar tudo isso sem falar pra ninguém, e e sinto melhor ninguém saber que eu sou apesar nem eu mesma saber. Apesar de nova, já passei por várias coisas. Podem achar que eu sou uma pessoa infantil que não sabe nada, que eu sou uma criança ainda, mas, eu não ligo pro que acharem, só quero dizer tudo aquilo que está guardado e quem não gostar foda-se, não estou pedindo para lerem está história.

Dois anos atrás não tinha ideia como era uma relação de pessoas do mesmo sexo, eu já era acostumada com meninos e meninos por que meu irmão era gay mas eu não tinha visto duas meninas juntas. Minha mãe falava que aceitava de boa para os amigos do meu irmão se seu filho fosse gay, mas quando descobriu ela meio que não aceitou muito e nunca gostou das amigas lésbicas do meu irmão. Uma vez foi engraçado, meu irmão tinha dado uma festa em casa, eu era pequena e eu vi duas meninas se beijando - pelo menos eu achava que era uma menina - perguntei pro meu irmão o por que, e ele começou a rir, não era uma menina. rs
Enfim na viajem para o Rio de Janeiro, estava tudo maravilhoso ficava horas jogando vídeo game e vendo tv, ia para praia conhecia pessoas lá, nenhuma que eu fale até hoje e um dia passou um filme lésbico na TV chamado D.E.B.S, vendo aquelas duas mulheres se beijar e se apaixonarem uma pela outra eu não sei explicar o que eu senti, era um sentimento novo, só sei que eu gostei.
Vi que eu não era uma menina comum, quando eu era pequena eu não gostava de brincar de bonecas e quando brincava com a minha prima - que eu achava a menina mais linda - eu sempre era o menino e eu gostava de brincar com os meninos da minha rua.
Então, eu queria descobrir mais sobre isso, por que eu não senti nojo eu senti uma coisa boa, foi um sentimento estranho ao mesmo tempo bom. Descobrindo mais sobre isso eu conheci uma menina na internet chamada Mayara, nós ficávamos conversando horas e horas, até que um sentimento surgiu, nós frocávamos sms e eu me sentia tímida ao falar com ela.
Ao voltar da casa da minha Avó, sai do carro logo que entrei em casa vi minha mãe chorando na cozinha fui perguntar o que houve e ela me entregou meu celular - o qual eu tinha esquecido em casa - e falou que depois nós íamos conversar. Como eu tinha sido tão burra? Ela veio até mim chorando falando:
- Não seja igual ao Junior (meu irmão). - Naquele momento eu queria chorar, não acreditava no que estava acontecendo, logo tão cedo que eu estava ainda descobrindo sobre esse sentimento. Neguei tudo pra ela, falei que era normal duas amigas falarem "eu te amo". Então fui até minha melhor amiga no caso era minha vizinha chamada Carol, ela não sabia e eu não contei pra ela, depois eu falo mais sobre essa minha amiga de infância.
Enfim, minha mãe veio até a gente e começou a falar pra Carol se ela sabia quem era essa tal de Mayara, mas, ela não conhecia pois eu nunca tinha falado pra ela. Logo depois eu fui pra casa, minha mãe estava no quarto chorando então fui para o meu quarto e me senti tão mal e comecei a chorar.

Depois eu escrevo mais.
avatar
Anônima
Recruta
Recruta

Número de Mensagens : 1
Data de inscrição : 26/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Uma história.

Mensagem  stteer em Qua Jun 27, 2012 2:53 am

Em relação às palavras, não és nada mal, pelo contrário, te expressas até muito bem. Lendo pude sentir centelhas de alma mescladas nas palavras de seu texto e creio que é melhor falar e desabafar sempre e nunca serás idiota por fazer isso, em absoluto.

É mesmo bom falar, conversar, procurar se compreender mais, tentar aceitar tudo isso que está se passando com você... Parece que não está muito agradável a sua atmosfera familiar e o clima do seu relacionamento com a sua mãe e isso não é bom para você, em relação a esse momento bonito de descobertas pelo qual está vivenciando. Você talvez não queira desapontá-la, mas também não devia negar o que sente. Pois as coisas só ficarão ainda mais mal resolvidas em você, em seu interior, em sua essência e isso não é nada bom. Eu sei que é bem complicado, mas será que, nesse caso, vale a pena adiar?

Afinal, nem sempre poderá atender as expectativas dos outros, de seus pais ou de quem quer que seja. De uma maneira ou de outra, estará sempre a decepcionar a alguém, ainda que, no caso, ao tentar agradar os outros, acabará insatisfeita consigo mesma. E sabe de uma coisa que descobri há pouco tempo, não? É mais ou menos assim: É que há muito tempo procuro descobrir qual é o segredo do sucesso na vida e não consegui encontrar (se houver quem saiba me conte), mas o segredo do fracasso eu já sei há muito tempo: É tentar agradar todo mundo.

E, outra coisa, saiba que ninguém é tão novo que não possa ter alguma experiência, que elas não dependem do tempo de vida e sim do que vivemos nessa vida, ao longo de nossa história no mundo e, assim, as experiências de vida das pessoas terão sempre valor, não importa que elas tenham 15 ou 50 anos de idade. Por isso lhe digo, não precisa se justificar nem ficar na defensiva, sinta-se à vontade, para se expressar e conversar e tudo mais... E tenha a certeza de que haverá sempre pessoas aqui neste fórum com sincero interesse em ouvi-la e até me incluo entre essas pessoas. Não importa quem seja, ainda que se autodenomine “Anônima”, você é alguém muito importante e de valor inestimável principalmente e simplesmente por ser você mesma. Fique bem, lhe desejo muita sorte e tudo de melhor, que as coisas em sua vida possam a se resolver.



stteer
Soldado
Soldado

Número de Mensagens : 62
Data de inscrição : 29/02/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum